.: Prefeitura De Araguaina :.
Quinta-feira, 04 De Junho De 2020 |    CLIMA: Sol e aumento de nuvens de manha. Pancadas de chuva a tarde e a noite. | Mínima: 22ºC | Máxima: 33 ºC



Cidadão Empresa Servidor Turista   Site Covid-19



campanhas





NOTÍCIAS

Prefeitura e Defesa Civil fazem força tarefa de limpeza após chuva atípica em Araguaína

Publicado: Data: 21/10/2016 Autor: Ascom

aumnetar letradiminuir letratamanho original imprimir
Plants: image 4 0f 4 thumb

Depois do temporal, grande quantidade de lixo e material de construção foi encontrada nas bocas de lobo, ruas, bueiros e canais. Prefeitura pede participação da população para manter a cidade limpa

Por Thatiane Cunha

Após uma chuva atípica em Araguaína na tarde desta sexta-feira, 21, a grande quantidade de lixo e material de construção encontrada em bocas de lobo, ruas, bueiros e canais chamou a atenção das equipes da Prefeitura e da Defesa Civil Municipal. Uma força-tarefa de limpeza está sendo realizada na cidade para evitar novos alagamentos.

Para o secretário municipal da Infraestrutura e coordenador da Defesa Civil Municipal, Simão Moura Fé, a conscientização e participação direta da população são essenciais. “A chuva foi fora das nossas expectativas, mas se não houvesse tanto lixo, muitos pontos de alagamentos teriam sido evitados. A comunidade é fundamental nesse processo”, disse.

Os pontos mais afetados com lixo e onde os alagamentos foram mais intensos foram na Marginal Neblina. “Já há um planejamento para que sejam construídas lagoas de contenção nas cabeceiras dos córregos Neblina e Canindé. Mas é preciso que as pessoas não joguem nem deixem o lixo nas ruas”, acrescentou.

Um balanço da quantidade de lixo retirada pelas equipes nas ruas será divulgado na próxima segunda-feira, 24.

Áreas de risco e APP’s

O secretário ainda chamou a atenção para locais onde são considerados áreas de risco e de proteção permanente (APP), onde os problemas com alagamentos ainda são constantes. “É muito perigoso que se invada locais como esses. Muitas pessoas continuam morando em locais por não aceitarem que o risco é imenso. Além de ser crime federal, é um perigo habitar nesses lugares, principalmente para crianças”, disse.

Sem alagamentos

Em diversos pontos na cidade onde os alagamentos eram constantes, mesmo com o temporal não foram registrados, como é o caso da Rua Flor de Liz, no Setor São Miguel. No local, a Prefeitura implantou drenagem profunda e superficial que resolveu problema enfrentado pelos moradores há vários anos.

Outros pontos que também receberam intervenções da Prefeitura e não foram registrados novos alagamentos nesta sexta-feira foram nos setores Maracanã, Universitário, Jardim Paulista e na Avenida Filadélfia.

A Prefeitura já implantou mais de 30 mil metros de drenagem em diversos bairros que sofriam com alagamentos, erosões e risco de desabamento.

“Após serem feitas as lagoas de contenção e a conscientização da população em relação ao destino correto do lixo e material de construção, os alagamentos poderão ser sanados em toda a cidade”, apontou o secretário.

Publicado: Data: 21/10/2016 Autor:Ascom







voltar